Medicamentos: Bula Jumexil

Laboratório: Chiesi Farmacêutica Ltda

O que é Jumexil

Este medicamento é indicado para o tratamento da Doença de Parkinson sem causa definida, em combinação com levodopa, ou levodopa mais carbidopa. Também é indicado no tratamento da síndrome psicorgânica primária (conjunto de sintomas como perturbações da consciência e da atenção, da percepção, do pensamento, da memória, da coordenação motora e dos sentidos, das emoções e do ritmo vigília-sono).

Antes de tomar Jumexil

Não se indica o cloridrato de selegilina em associação a medicamentos inibidores da monoaminoxidase (IMAO) não seletivos (por exemplo, isocarboxazida, tranilcipromina, etc). Informe ao seu médico se você possui problemas nos rins ou no fígado. Você deve fazer controles periódicos da função do fígado durante o tratamento. É necessário um acompanhamento periódico para ajuste gradativo da dose de levodopa nos casos de uso concomitante com este medicamento. Você não deve tomar este medicamento à noite, pois pode causar insônia. . Uso durante a gravidez e lactação: Este medicamento é contraindicado para uso durante a gravidez e aleitamento. Seu médico deverá avaliar cuidadosamente a possibilidade de administrar o produto durante a gravidez, com base na relação risco-benefício. Não se sabe se este medicamento é eliminado através do leite materno, portanto, devese ter cautela ao administrá-lo durante a amamentação. Uso pediátrico: A segurança em crianças não foi avaliada e, portanto, não é recomendado. Efeitos sobre a capacidade de dirigir veículos ou operar máquinas: Não há indícios de efeitos sobre a capacidade de dirigir veículos ou operar máquinas com a utilização de Jumexil®. Atenção diabéticos: contém açúcar. Este medicamento pode causar doping. Interações medicamentosas: Este medicamento aumenta as reações indesejadas causadas pela levodopa. Depois de 2 ou 3 dias tomando selegilina, a dose de levodopa deverá ser reduzida pelo seu médico. Jumexil® tem interação com meperidina e outros opiáceos, levando a complicações severas. Doses altas de selegilina (20 mg) interagem com a tiramina (substância presente em alguns alimentos, tais como queijos amarelos, chocolates, amendoim, etc.) podendo causar crise hipertensiva súbita e severa. Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento. Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde. 5. ONDE, COMO MEDICAMENTO? E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE Conservar o medicamento em temperatura ambiente (15° a 30°C), proteger da luz e umidade. Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original. As drágeas de Jumexil® 10 mg têm formato arredondado abaulado e cor branca. Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Como tomar Jumexil

Posologia: A dose diária recomendada é de 10 mg (1 drágea), 1 vez ao dia (a cada 24 horas), preferencialmente pela manhã. Em geral, não são necessários cuidados especiais para interrupção do tratamento. O limite máximo diário recomendado é de 10 mg ao dia, ou seja, 1 drágea de Jumexil® 10 mg. Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico. Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado. 7. O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO? Não interrompa o tratamento sem o conhecimento de seu médico, pois os efeitos terapêuticos podem não ocorrer conforme o esperado. Se você se esquecer de tomar uma dose do medicamento, tome-o tão logo quando se lembrar. Se estiver próximo da hora da próxima dose, pule a dose esquecida e espere para tomar a próxima dose. Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

Possíveis reações adversas Jumexil

Cloridrato de selegilina é, em geral, bem tolerado. A selegilina aumenta os efeitos colaterais dose-dependentes da levodopa, ou L-Dopa + carbidopa, que desaparecem após a diminuição da dose. Quando houver sido determinada a dose ideal da levodopa, os efeitos colaterais do tratamento em associação são, geralmente, inferiores àqueles da levodopa usada isoladamente. A selegilina pode causar aumento das enzimas hepáticas. Os eventos adversos da selegilina em monoterapia, até hoje assinalados são: insônia, vertigens ou tonturas, cefaleias (dor de cabeça), náuseas e outras alterações gastrintestinais, hipotensão ortostática (queda na pressão arterial ao se levantar ou após permanecer parado em uma posição estática), agitação, bradicinesia (lentidão na execução dos movimentos), coreias (movimentos convulsivos, rápidos, forçosos e involuntários), delírios, hipertensão, síncope (desmaio transitório causado pela diminuição do fluxo sanguíneo no cérebro), aumento dos movimentos involuntários, arritmia (aumento dos batimentos cardíacos), episódios novos ou reincidentes de angina (dor no peito), edema dos membros inferiores, queda de cabelos, perda de peso e nervosismo, ansiedade, obstipação (prisão de ventre), letargia (perda temporária e completa da sensibilidade e do movimento), distonia (contrações musculares involuntárias), sudorese, sangramento gastrintestinal, asma. Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento. 9. O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO? Não são conhecidos casos de superdose com este medicamento. Se a dose usada foi muito maior do que a recomendada, procure seu médico imediatamente ou dirija-se ao hospital mais próximo. Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações. DIZERES LEGAIS Reg MS nº 1.0058.0103 Farm. Resp.: Dra. C. M. H. Nakazaki CRF-SP nº 12.448 CHIESI Farmacêutica Ltda. Uma empresa do Grupo Chiesi Farmaceutici S.p.A. Rua Dr. Giacomo Chiesi n° 151 - Estrada dos Romeiros Km 39,2 Santana de Parnaíba - SP C.N.P.J. 61.363.032/0001-46 - Indústria Brasileira - ® Marca Registrada SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor): 0800-114525 www.chiesi.com.br
Recomienda
Você tem dúvidas sobre saúde?

200 / 200

O número mínimo de caracteres para publicar são 15

Lembre-se
  • Seja breve e claro
  • Sua pergunta será anônima.
  • Em caso de urgência entre em contato diretamente com seu médico.